Desenvolvimento de um Software híbrido (Redes Neurais Artificiais - Evolução Diferencial) aplicado a modelagem de processos cervejeiros

Maria B. Takahashi, Henrique C. de Oliveira, Eutimio G. F. Núñez, José C. Rocha

Resumo


A qualidade de produtos biotecnológicos, como a cerveja, pode ser modulada a partir de mudanças nas proporções dos seus insumos, assim como nos parâmetros de operação ao longo do processo produtivo. O delineamento experimental combinado (variáveis de mistura e de processo) tem demonstrado ser uma metodologia efetiva na modelagem polinomial deste bioprocesso [2]. Entretanto, técnicas de inteligência artificial têm sido utilizadas como alternativa desta modelagem, otimizando um significante n´umero de tecnologias biológicas [1]. O objetivo desde trabalho foi implementar um software combinando Redes Neurais Artificiais (RNA) e Evolução Diferencial (ED) a fim de otimizar a topologia de uma RNA para modelar o bioprocesso envolvido na produção de cerveja tipo Ale.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SBMAC - Sociedade de Matemática Aplicada e Computacional
Edifício Medical Center - Rua Maestro João Seppe, nº. 900, 16º. andar - Sala 163 | São Carlos/SP - CEP: 13561-120
 


Normas para publicação | Contato