Reconhecimento Automático de Espécies de Pimentas Utilizando Redes Neurais Artificiais

Paulo Renato Baliza Silva, Arlindo Rodrigues Galvão Filho, Heber Valdo Nogueira, Clarimar José Coelho

Resumo


Este trabalho apresenta uma metodologia para classificação de espécies pimentas utilizando redes neurais artificiais perceptron multicamadas. São analisadas 360 imagens obtidas em ambiente controlado utilizando uma câmera multiespectral no visível para 24 espécies de pimentas divididas em 15 amostras por espécie. As imagens passam por uma etapa de pré-processamento onde os ruídos são eliminados e a região da pimenta ´e detectada. As características utilizadas para a classificação das pimentas são o tamanho da pimenta e momentos de cores obtidos das imagens pré-processadas em diferentes espaços de cores. Os resultados obtidos mostram que em média a classificação das imagens tem uma taxa de acerto de 97,36%. 


Palavras-chave


Redes Neurais Artificiais, Classificação de Imagens, Reconhecimento de Padrões

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5540/03.2018.006.02.0428

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SBMAC - Sociedade de Matemática Aplicada e Computacional
Edifício Medical Center - Rua Maestro João Seppe, nº. 900, 16º. andar - Sala 163 | São Carlos/SP - CEP: 13561-120
 


Normas para publicação | Contato