Otimização de Carteiras de Investimentos segundo a Teoria de Portfólios e a Abordagem de Rockafellar e Uryasev

Mateus Silva Pedroso, Carlos Eduardo da Silva, Gislaine Aparecida Periçaro, Juliano Fabiano da Mota

Resumo


Na área financeira, um portfólio é definido como um conjunto de alternativas de investimento, denominados ativos, onde o investidor tem o interesse de obter a melhor composição possível. Na prática, a otimização dessa escolha consiste em estabelecer as porcentagens de investimento xi , i = 1, . . . , n, associadas a cada ativo i, de modo que minimize o risco dessa carteira. Tal problema de otimização teve como precursor o economista Harry Markowitz [2], que em 1952 propôs a otimização da variância da carteira como uma representante do risco, sujeito às restrições de não negatividade das variáveis de decisão e o investimento de 100% do capital disposto. Além disso, há uma meta de retorno µ0 a ser estabelecida pelo investidor. Seu trabalho ficou conhecido como Teoria de Portfólios. [...]

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SBMAC - Sociedade de Matemática Aplicada e Computacional
Edifício Medical Center - Rua Maestro João Seppe, nº. 900, 16º. andar - Sala 163 | São Carlos/SP - CEP: 13561-120
 


Normas para publicação | Contato