Método Misto e Hı́brido: equação de convecção-difusão unidimensional

César Guilherme de Almeida, Vı́tor Willian Rodrigues Braga, Paulo Roberto Correa de Almeida Junior

Resumo


Neste trabalho, nós utilizamos duas técnicas numéricas para aproximar a equaçãode convecção–difusão unidimensional correspondente ao modelo de escoamento miscı́vel incompressı́vel da mistura de óleo e solvente, em meios porosos. Primeiramente, discretizamos a concentração da mistura, em relação à variável espacial, utilizando o método dos elementos finitos mistos e hı́bridos, juntamente com o espaço de Raviart-Thomas de mais baixa ordem (funções escalares serão aproximadas por valores constantes em cada elemento finito). A variável principal do sistema resultante da formulação discreta será ou a concentração da mistura avaliada no centro de cada elemento finito ou o Multiplicador de Lagrange (concentração da mistura avaliada nas extremidades de cada elemento finito). Depois, levando-se em consideração a variável temporal, obtemos um Problema de Valor Inicial (PVI) proveniente da formulação discreta da equação de convecção–difusão e da equação da velocidade de fluxo de concentração. A solução aproximada do PVI é obtida pelo Método de Adams-Moulton de ordem 2. A solução analı́tica do problema será comparada com o resultado de simulações numéricas dos métodos propostos, utilizando-se um código que controla oscilações espúrias.


Palavras-chave


Convecção–difusão, Métodos Mistos e Hı́bridos, Espaço de Raviart Thomas de ordem zero

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5540/03.2020.007.01.0399

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SBMAC - Sociedade de Matemática Aplicada e Computacional
Edifício Medical Center - Rua Maestro João Seppe, nº. 900, 16º. andar - Sala 163 | São Carlos/SP - CEP: 13561-120
 


Normas para publicação | Contato