Contribuição dos ovos quiescentes num modelo de competição entre população de Aedes aegypti não-infectado e infectado pela Wolbachia

Larissa Picelli Gomes, Cláudia Pio Ferreira

Resumo


O Aedes aegypti é o principal vetor da Dengue, Zika e Chikungunya. O controle de transmissão dessas doenças é feito principalmente sobre a população de mosquito visto que não há vacinas. Recentemente, uma técnica de controle que tem sido adotada é a liberação de mosquitos infectados pela Wolbachia, uma bactéria endossimbionte encontrada em várias espécies de artrópodes, mas ausente no Ae. aegypti. [...]


Texto completo:

PDF

Referências


E. P. Caragata et al. “Wolbachia as translational science: controlling mosquito-borne pathogens”. Em: Trends in Parasitology 37.12 (2021), pp. 1050–1067.

M. Lau, P. A. Ross e A. A. Hoffmann. “Infertility and fecundity loss of Wolbachia-infected Aedes aegypti hatched from quiescent eggs is expected to alter invasion dynamics”. Em: PLoS neglected tropical diseases 15.2 (2021), e0009179.

L. O. Oliva et al. “Quiescence in Aedes aegypti: Interpopulation differences contribute to population dynamics and vectorial capacity”. Em: Insects 9.3 (2018), 111.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SBMAC - Sociedade de Matemática Aplicada e Computacional
Edifício Medical Center - Rua Maestro João Seppe, nº. 900, 16º. andar - Sala 163 | São Carlos/SP - CEP: 13561-120
 


Normas para publicação | Contato