Soluções otimizadas via algoritmo genético para o controle do mosquito transmissor da dengue

Luiz G. Lyra, Helenice de O. F. Silva, Fernando L. P. dos Santos, Daniela R. Cantane

Resumo


Neste trabalho é apresentado estratégias otimizadas como propostas para o controle do mosquito transmissor da Dengue. Estas estratégias foram obtidas por meio do desenvolvimento do Algoritmo Genético (AG) capaz de resolver o problema de otimização proposto. O modelo matemático baseia-se em Thomé, 2007, [4]. Este modelo descreve a dinâmica de mosquitos nas fases aquática e alada e considera variáveis de controles químicos, por inseticidas, e biológico, pela inserção de mosquitos machos estéreis no meio ambiente, [1, 3]. Soluções otimizadas para as variáveis de controle sugeridas pelo AG proposto são apresentadas. O AG aqui proposto mostrou ser uma ferramenta versátil e de grande aplicabilidade no controle das populações de mosquitos.

Palavras-chave


Aedes aegypti, controle ótimo, controle químico, controle biológico, mosquitos esteréis

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5540/03.2015.003.01.0071

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SBMAC - Sociedade de Matemática Aplicada e Computacional
Edifício Medical Center - Rua Maestro João Seppe, nº. 900, 16º. andar - Sala 163 | São Carlos/SP - CEP: 13561-120
 


Normas para publicação | Contato