Simulação computacional do teste de carregamento axial para o concreto

Guilherme A. Pianezzer, Fábio A. N. Balbo, Liliana M. Gramani, Eloy Kavisky, Marcelo R. Teixeira

Resumo


A simulação computacional do teste de carregamento axial apresentada neste artigo foi realizada em um elemento representativo do concreto – RVE. O RVE permite representar estatisticamente o material estudado de maneira que, de acordo com as técnicas de homogeneização, propriedades encontradas neste elemento podem ser utilizadas para estimar as propriedades do material final. Este artigo, então, traz a discussão de como gerar o RVE do concreto para agregados graúdos aproximados por elipses. O concreto, na escala mesoscópica, é considerado um material bifásico composto de argamassa e agregado graúdo. Para obter informações sobre os tamanhos dos agregados foi utilizada a curva granulométrica e para obter a posição de cada um dos agregados foi utilizado um algoritmo de detecção de colisão computacional entre elipses. O RVE foi então sujeito a um teste de carregamento axial que foi solucionado pelo método de Galerkin livre de elementos, apresentando assim a resposta que o material possui.

Palavras-chave


Concreto, Elemento Representativo do Material (RVE), Teste de carregamento axial.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5540/03.2015.003.01.0156

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SBMAC - Sociedade de Matemática Aplicada e Computacional
Edifício Medical Center - Rua Maestro João Seppe, nº. 900, 16º. andar - Sala 163 | São Carlos/SP - CEP: 13561-120
 


Normas para publicação | Contato