Autômatos celulares probabilísticos aplicados à modelagem da propagação de incêndios de vegetação

Rodolfo Maduro Almeida, Helena França, Elbert Einstein Nehrer Macau, Fernando Manuel Ramos

Resumo


Este trabalho apresenta uma metodologia para modelagem e simulação de incêndios de vegetação utilizando a abordagem baseada em autômatos celulares probabilísticos. O formalismo de modelagem utilizado possibilita estabelecer uma relação explícita dos parâmetros do modelo com dados meteorológicos e espaciais obtidos por sistemas de informações geográficas. O contexto de aplicação do modelo é o Parque Nacional das Emas, situado no extremo Sudoeste do Estado de Goiás. Um amplo acervo de dados espaciais que inclui o inventário histórico de incêndios mapeados, mapa de vegetação, modelo digital de elevação, malha de drenagem, malha de aceiros; somados a dados meteorológicos obtidos por estações de coleta situadas no entorno do Parque, deram subsídios para a compreensão e a modelagem do comportamento do fogo nesta Unidade de Conservação. A metodologia de ajuste desenvolvida mostra a boa capacidade de o modelo ser ajustado para simular incêndios reais, com certo nível de precisão em termos de extensão do incêndio e tempo de duração.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5540/03.2015.003.01.0393

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SBMAC - Sociedade de Matemática Aplicada e Computacional
Edifício Medical Center - Rua Maestro João Seppe, nº. 900, 16º. andar - Sala 163 | São Carlos/SP - CEP: 13561-120
 


Normas para publicação | Contato